sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Rede franciscana de Justiça, Paz e Ecologia

CURSO DE FRANCISCANISMO QUER UMA “REDE FRANCISACANA DE JUSTIÇA, PAZ E ECOLOGIA”.

Participantes do curso de Franciscanismo, ocorrido em Daltro Filho, entre os dias 5 a 18 de janeiro, propõem uma “Rede franciscana de Justiça, Paz e Ecologia”, como um espaço de partilhas de experiências, troca de ideias, publicações, debates e articulação para atividades conjuntas; um meio para que as províncias, congregações, instituições da Família Franciscana possam somar forças com a Igreja e a Sociedade na defesa e promoção da Vida.
Vinte irmãos e irmãs participaram do Curso de Franciscanismo, promovido pela Família Franciscana – FFB – do Rio Grande do Sul, no Convento São Boaventura, em Daltro Filho, Imigrante, RS, entre os dias 05 a 19 de janeiro de 2009. A primeira parte do Curso teve como tema “Os escritos e a espiritualidade de São Francisco de Assis”, que foi desenvolvido com a assessoria de Dom Frei Irineu Gassen, Bispo diocesano de Vacaria, e de Frei João Inácio Müller, Ministro provincial dos Frades Menores do RS. A segunda parte, com a temática do “Serviço de Justiça , Paz e Integridade da Criação (Ecologia)”, foi assessorada por Irmã Zioldé Caldas, Vice-Provincial das Irmãs Franciscanas Bernardinas, e por Frei Pilato Pereira, da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos.

Após duas semanas de estudos e reflexões, os participantes manifestaram a preocupação com a pratica concreta das questões abordadas ao longo do curso. Visto que as fontes franciscanas apresentam um modo de vida segundo o Evangelho de Jesus Cristo, que se sintetiza na promoção da vida e dignidade humana. E, diante dos inúmeros e emergentes desafios sócio-ambientais dos dias de hoje, os participantes do curso querem estar cada vez mais comprometidos com ações em defesa da vida. E analisam a importância de somar forças com pessoas e instituições que lutam pelos mesmos objetivos. Também compreendem que a comunhão e colaboração deve começar entre a Família Franciscana, que deve dar testemunho de vida fraterna na missão junto à Igreja e a sociedade.

Resultou das reflexões do grupo a proposta de criar uma “Rede Franciscana de Justiça, Paz e Ecologia”. E para efetivar a ideia, foi enviada uma carta para a Coordenação da Família Franciscana do Rio Grande do Sul – FFB/RS – e aos demais regionais e para a Coordenação Nacional da FFB.

Na carta, os participantes do curso reconhecem que “a questão ambiental, hoje, está no centro das atenções e cresce cada vez mais a consciência de que os clamores da vida na Terra e a vida da Terra estão em consonância. De um modo geral, compreendemos a existência de uma crise ecológica, sabemos parte de sua gravidade e nos sentimos em alerta e até meio alarmados. Porém, falta sintonia entre a urgência de mudanças e nossa tomada de decisões e atitudes concretas, seja no nível individual e/ou coletivo”.

E, diante da atual conjuntura sócio-ambiental, os participantes do curso de Franciscanismo, propõem que, como franciscanos e franciscanas, sentem-se impelidos a dar uma contribuição concreta, criando uma “Rede Franciscana de Justiça, Paz e Ecologia”. A proposta é de que esta rede seja um espaço de partilhas de experiências, troca de ideias, publicações, debates e articulação para atividades conjuntas. Com este instrumento de comunicação e articulação, o grupo espera que os franciscanos e franciscanas possam “somar forças entre as províncias, congregações, instituições da Família Franciscana, com a Igreja, a Sociedade Civil e órgãos governamentais”.

Um comentário:

Anônimo disse...

Bom Dia de Luz, Paz e Bem!!!!
Parabéns aos organizadores desta Rede!
Que possamos lutar poor justiça no camp e nas cidades e a Paz transformada em Rede, e nós como nós dando sustentação a este novo modelo de sociedade, tecendo idéias, tecendo novas atitudes...
Carinhosamente, Luciméia Gall Konig - Educadora!

Seguidores

Na sua opinião, Ecologia é:

Loading...

Dicas de blogs

Papel de Parede

Lago Sereno Rosa São Miguel das Missões - RS Tranqüilidade